23 de abril

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
24/05/19 às 15h13 - Atualizado em 24/05/19 às 15h14

A recuperação das estradas da Área Rural tem sido um trabalho constante na região do CAUB I e II.

COMPARTILHAR

A recuperação das estradas da Área Rural tem sido um trabalho constante na região do CAUB I e II. As obras consistem em patrolamento, colocação e assentamento de cascalho com o rolo compactador. 
A administração Regional pretende manter as estradas trafegáveis em toda a Área Rural, realizando colocação de cascalhos e compactação das estradas e alargamento das vias secundárias. O objetivo e oferecer condições para que os produtores, moradores e alunos que utilizam as estradas tenham segurança e conforto durante o tráfego. As estradas rurais possuem extrema importância econômica, social e ambiental, pois são responsáveis pelo acesso da população rural a serviços básicos como educação, saúde e lazer e pelo escoamento da produção agrícola e, conseqüentemente, pelo abastecimento das zonas urbanas. São através delas, também, que os insumos agrícolas necessários a produção chegam às propriedades rurais. muitas vezes se dá através das estradas vicinais. 

Estamos trabalhando ao máximo para darmos conta de toda a demanda, lembrando que já são aproximadamente 4 anos que a comunidade rural vem reivindicando à respeito de melhorias para as referidas estradas e graças ao apoio do Governo do Distrito Federal e a equipe da Administração Regional estamos atendendo todas as solicitações, “É proibida a utilização das ondulações transversais como redutores de velocidade, não podem ser instalados em vias vicinais, um vez que gera risco de acidentes, conforme resolução Nº 600 de 24 de maio de 2016, que estabelece os padrões e critérios para a instalação de ondulação transversal  do art 94 do código de trânsito a ondulação transversal tipo A: pode ser instalado apenas onde existe a necessidade de limitar a velocidade máxima para 30km/h  em : 
a) Rodovia, somente em travessia de trecho urbanizado;
B) via Coletora;
C) via Urbana local. 

" Tratando- se de uma via agrourbana não há permissão para fazê lo, uma vez que este trará riscos aos transeuntes". ressalta a Diretora de Obras, Ana carolina. . 

#ÉTempoDeAção

Mapa do site Dúvidas frequentes Comunicar erros